10 dicas de cuidados com a voz, por Edivan Alves

A voz é um instrumento muito potente e ao mesmo tempo bastante delicado, ela absorve nosso estado de espirito de tal forma, que se estivermos felizes, tristes ou ansiosos ela se manifesta de uma forma diferente. É um instrumento que levamos a todo lugar, eu por exemplo sou violoncelista e cantor, quando eu resolvo ir para uma festa, barzinho ou balada, adivinha qual desses instrumentos eu levo comigo? Isso mesmo, a voz! O violoncelo fica lá, na segurança de casa, enquanto a minha voz passa a noite se desgastando e sendo exposta a todo tipo de coisa.

Como cantor e professor de canto, sempre me fazem perguntas sobre os cuidados com a voz, e em minhas turmas é muito comum logo no primeiro dia de aula as indagações: “Professor, maçã é bom pra voz?”, “Eu tenho um amigo que usa mel para melhorar a voz”, “Dizem que ovo cru também é bom”. Esses são os mais comuns entre tantas receitas e mandingas que cada um tem guardado na manga.

Particularidades à parte, respondendo a essas perguntas, existem alguns cuidados que na minha rotina como cantor eu procuro seguir, dentre eles costumo destacar:

1. Beber bastante água

A água hidrata o corpo como um todo, e, consequentemente, mantém as pregas vocais hidratadas e em boa condição para o uso.

2. Dormir bem

Aconselha-se em média 8h por noite, mas dependendo da necessidade de cada pessoa pode variar para mais ou para menos.

3. Exercícios físicos

Quando se pratica exercícios físicos regularmente, além dos benefícios para o corpo que todos já conhecem, há benefícios também para a voz, pois cantar é também um exercício físico, e o cantor terá uma resposta muscular muito mais rápida.

4. Evitar conversar em ambientes barulhentos

Nesse tipo de ambiente, sem perceber passamos a gritar ao invés de falar normalmente. Gritar e até sussurrar são prejudiciais pois demandam um esforço excessivo para as pregas vocais.

5. Evitar alimentos gordurosos

Por serem pesados, dificultam o processo de digestão, podendo causar azia e refluxo.

6. Não fumar

Além de todo o mal que causa à saúde, a fumaça do cigarro com todas as suas substâncias toxicas ressecam as pregas vocais e a mucosa que reveste o aparelho fonador.

7. Evitar leite e derivados antes de cantar

O leite não é proibido, mas é bom evitar tomar leite e seus derivados um tempo antes de cantar, pois eles criam muco na garganta, resultando no famoso pigarro. Para os que não vivem sem chocolate, eu aconselho comer apenas de manhã, se for cantar a noite.

8. Bebidas alcoólicas

O álcool é um combo, pois além de desidratar o corpo, possui efeito anestésico que mascara a possível dor que o cantor sentiria na garganta pelo esforço demasiado, sem contar que visivelmente compromete a dicção de quem o consome em excesso. Para aqueles que não vivem sem uma cervejinha, costumo dizer para esperar para depois de cantar, nunca antes ou durante.

9. Aquecimento vocal

Como em qualquer atividade física, para cantar é necessária uma preparação e alongamento dos músculos que serão utilizados. Exercícios de respiração, alongamento e vocalizes devem sempre ser feitos alguns minutos antes do canto.

10. Acompanhamento com Fonoaudiólogo e Otorrinolaringologista

Profissionais dessas áreas são imprescindíveis para o cuidado e manutenção da saúde vocal de cantores e de qualquer profissional da voz.

De resto, ao orientar meus alunos sobre esses cuidados, eu costumo resumir em uma frase, na dúvida “O que faz bem para o seu corpo, faz bem para a sua voz”.

Edivan Alves
Cantor, Professor de Canto e Preparador Vocal. Iniciou seus estudos em canto em 2008, com a Prof. Deborah Oliveira na Universidade Federal do Piauí. Teve aulas também com Mirna Rubim, Neyde Thomas, Rio Novello, Marta Shiel, Maristela Gruber em cursos e festivais em Teresina e em cidades como Fortaleza, Natal, Brasília, Rio de Janeiro e Curitiba. Estreou no espetáculo Phanton of the Opera in Concert, interpretando o personagem título, Fantasma no ano de 2011. Em 2013 se apresentou no Teatro Nacional, em Brasília com o Musical Opera do Malandro de Chico Buarque, no mesmo ano idealizou, fez a direção musical e preparação vocal do musical Jesus Cristo Superstar. Também dirigiu musicalmente e fez a preparação vocal do espetáculo A Batalha do Jenipapo nos anos de 2013, 2016 e 2018. Em 2017 atuou em Ardor Amor, musical que ganhou três prêmios no Troféu em Cena 2017, dentre eles, o de melhor espetáculo. Além de violoncelista, atua como Tenor Solista na Orquestra Sinfônica de Teresina e como professor de canto na Escola Estadual de Musica Possidônio Queiroz.

Instagram: @edivanprimeiro
Facebook: Edivan Alves
Telefone: 86 99973-3059

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s