Validuaté

Validuaté é uma das bandas mais queridas do Piauí, conquistando multidões por onde passa. O grupo trouxe a diversidade para as suas composições, misturando Rock, MPB, Pop e Regional, não se prendendo a um único estilo e atraindo um público bem variado. Os integrantes Quaresma e Júnior Caixão criaram um conjunto de violão para tocar em bares chamado “Papel de Parede” e depois de participar três vezes do Festival Chapada do Corisco – Chapadão – decidiram começar um novo projeto. Em 2004, em Teresina, nasce a “Banda Validuaté” gestada no ambiente universitário com uma proposta de experimentação rítmica para apresentar ao público um som original. A banda já lançou os álbuns “Pelos Pátios Partidos em Festa” (2008), “Alegria Girar” (2009) e “Manual de Instruções Para” (2018). Validuaté já dividiu o palco com músicos da MPB como Caetano Veloso, João Bosco, Bossacucanova, Fernanda Porto, Cachorro Grande, Nação Zumbi, Vanessa da Mata, Maria Gadu, Nando Reis e Paralamas do sucesso. Participou da Feira Internacional da Música em Fortaleza, da 4ª Feira de Arte e Cultura Nação Piauí em Brasília, Festival Piauí Pop, entre outros. E com tanta mistura poética, seriedade e musicalidade a banda sem prazo de validade vai emocionando o público, cada vez mais ávido pela singularidade que é a Validuaté.

Atuais Integrantes: Zé Quaresma (vocalista e compositor), Vazin Silva (guitarrista), John Well (baterista), Leone Vinícius (tecladista) e Igor Melo (baixista).

Antigos Integrantes: Júnior Caixão (guitarrista), Thiago E. (poeta, compositor e músico) e Davi Scooby (baixista e produtor)

Descrição: Banda

Data de Nascimento: 2004

Local de Nascimento: Teresina-PI

 

Zé Quaresma

Nome completo: José Quaresma Campos Filho

Descrição: músico, compositor, artista plástico, publicitário, colorista, diretor, roteirista

Data de Nascimento: 27/11/1982

Local de Nascimento: União-PI

 “Dentro desse sonho quis voar. Mergulhar profundo sentimento. Na verdade eu sou por inteiro. A metade do amor que eu invento.” José Quaresma é natural de União-PI, formado em Letras e começou a cantar na sua cidade natal. O vocalista e compositor da banda iniciou a carreira cantando os sucessos nacionais da MPB, na banda “Papel de Parede” e chegou a produzir algumas músicas autorais, mas a reviravolta veio com a ideia de iniciar um novo projeto focado em músicas autorais, a banda Validuaté. O contato com a literatura deu um aspecto bem particular às músicas construídas. A inspiração de Quaresma vem do cotidiano, das histórias contadas ou vividas. “A vida é o que serve de inspiração”, diz o artista. Além da música, Quaresma trabalha como colorista, roteirista, dirige, ou seja, ele trabalha com diversas funções dentro do audiovisual. E ele afirma que a música e o audiovisual são as suas duas grandes paixões. E o trabalho com o audiovisual deu ao Quaresma mais percepção de como trabalhar com cores, embora o artista deixe a pintura de lado. Atualmente Quaresma está vivenciando um momento de intensa produção no audiovisual, trabalhando na Framme Produções. “A música é muito importante pra mim, pois tem me mostrado o mundo de uma maneira bonita, tem me possibilitado dialogar com pessoas, emocionar as pessoas. A música é algo que nos põe em sintonia, nos põe juntos no mesmo lugar e no mesmo momento, não importa o lugar”, diz Quaresma

Vazin Silva

Nome Completo: Gervásio Oliveira Silva

Descrição: guitarrista e professor

Data de Nascimento: 16/05/1981

Local de Nascimento: Teresina-PI

“Repara o natural nesse universo. Basta piscar e a noite vem pra perto. No céu matéria escura por completo” Gervásio Oliveira, conhecido como Vazin Silva é natural de Teresina, guitarrista e se envolveu com a música no final dos anos noventa. Nesse período um dos seus irmãos apareceu com um violão emprestado e o guitarrista se interessou pelo instrumento. A partir daquele momento passou a estudar e treinar intensamente. Não demorou muito Vazin já estava sendo convidado para tocar em uma banda de Rock’n Roll. Ele conta que fez muitos trabalhos como músico, tocando em bandas como Elegia, Edição LTDA, Os Oliveiras e Vespúcia. O seu processo criativo é bem espontâneo, é tudo muito fluido. E suas referências são as músicas que compreendem dos anos cinquenta aos anos oitenta, incluindo artistas como Nelson Gonçalves e Marisa Monte. Além de curtir música erudita, jazz, blues o guitarrista diz que o se forte é o Rock’n Roll, principalmente o Heavy Metal e o Hard Rock. Vazin relembra que conheceu Quaresma nos festivais de música, antes da Validuaté ser formada. “Sinto a música como uma necessidade, preciso dela e sempre recorro a ela. Não me reconheço sem ela. A música é tão importante na minha vida quanto os meus óculos”, diz Vazin.

John Well

Nome Completo: John Well da Silva Costa

Descrição: baterista

Data de Nascimento: 16/01/1988

Local de Nascimento: Teresina-PI

Esse o mar de um novo amor, que é a luz de todo um verão. Baque do tambor que tenho peito. Canção que o vento traz toda manhã. Vou cantar seja onde for, pra dizer que encontrei o amor. Que me ensinou a ser infinito.” John Well da Silva Costa é teresinense e conheceu a música na igreja quando tinha onze anos de idade e a curiosidade virou paixão, desde então nunca mais largou a música. John relembra que conheceu a banda Validuaté porque dava aulas de bateria e um dos alunos, Anderson Canibal, que tocava na banda apresentou a banda, pois precisaria se afastar. Posteriormente John foi se integrando ao grupo, permanecendo até hoje. Suas referências são a música Gospel, instrumental e músicas dos anos oitenta. O músico conta que a Validuaté tem um processo criativo coletivo, unindo todos os conhecimentos dos integrantes, o que dá mais diversidade no resultado final. “Música é a minha profissão, faz parte da minha vida desde sempre”, diz o baterista.

Leone Vinícius

Nome Completo: Leone Vinicius de Sousa Santos

Descrição: músico, arquiteto e urbanista

Data de Nascimento: 08/09/1989

Local de Nascimento: Inhuma-PI

“Que nesta noite tranquila. Os sonhos pintem e bordem. Estou aqui para servi-la. O seu desejo é uma ordem.” O músico, arquiteto e urbanista Leone Vinicius é natural de Inhuma, município do Piauí e entrou em contado com a música na infância por influência dos tios. Os pais de Leone perceberam cedo o talento do filho, mas só na adolescência que o músico teve contato mais direto com o violão, esquecido pela irmã que abandonou o instrumento. O domínio do instrumento aconteceu de forma gradativa, autodidata, e com o tempo ele foi transitando para o teclado. Leone Vinicius conta que tem outros projetos paralelos como Batuque Elétrico, a banda Papanicolau, o grupo Cazone, mas a Validuaté foi um divisor de águas na sua carreira. Ele relembra que conheceu a banda por meio de um colega de quarto, chegou a assistir às apresentações da banda nas calouradas estudantis, se identificando de cara com as músicas. “Você usa música pra todo e qualquer fim, então a música pra mim é tudo”, diz Leone.

Igor Melo

Nome Completo: Igor de Melo Coelho

Descrição: músico, compositor, produtor e artista visual

Data de Nascimento: 11/09/1984

Local de Nascimento: Teresina-PI

“Nesse caminho com você feito de estrela e mar. Vou te mostrar que o mundo é nosso: cabe o que nós dois sonharmos.”  O teresinense Igor de Melo Coelho é músico, produtor, compositor e formado em Comunicação Social. Conheceu a música por influência do irmão, Nando Chá, que já atua como compositor no cenário musical. Suas primeiras experiências com a música aconteceram aos nove anos de idade, quando começou a arranhar os primeiros acordes. E desde então, já são dezoito anos de entrega à música. Igor já participou das bandas “Nando Chá e os Piula Contra”, “Narguilé Hidromecânico”, “Karranka”, “Danilo Rudah”, “In Nature”, “TereGroove”, “Brigit Bardot”, entre outros. Como compositor ele destaca a música “Daqui pra frente”, gravada por Danilo Rudah. E suas referências na música vem da música negra como funk, reggae, samba, afro e da mistura da música brasileira. Igor conta que assistia aos shows da banda Validuaté, era a sua alegria dos finais de semana, pois era um fã e sabia todas as letras do grupo. “A música é uma forma ainda ter fé na humanidade”, diz Igor Melo

Validuaté: os pés na grama

Quaresma é natural de União-PI, formado em Letras e começou a cantar na sua cidade natal. O vocalista e compositor da banda iniciou a carreira cantando os sucessos nacionais da MPB, na banda “Papel de Parede” e chegou a produzir algumas músicas autorais, mas a reviravolta veio com a ideia de iniciar um novo projeto focado em músicas autorais. O contato com a literatura deu um aspecto bem particular às músicas construídas. A inspiração de Quaresma vem do cotidiano, das histórias contadas ou vividas. “a vida é o que serve de inspiração”, diz o artista. Além da música Quaresma trabalha como colorista, roteirista, dirige, ou seja, ele trabalha com diversas funções dentro do audiovisual. E ele afirma que a música e o audiovisual são as suas duas grandes paixões.

Validuaté: rompendo o casulo

“Não me deixe à toa. Diante do teu medo. Me faz um cafuné. Me conta um segredo.” A banda Validuaté já apresentou em várias edições do Festival Piauí Pop, Feira da Música de Fortaleza,  Feira Piauí Sampa em São Paulo, Feira Nação Piauí em Brasília, no Festival de Inverno em Pedro II, além de ter apresentado em várias cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Recife. A banda já teve como integrantes Júnior Caixão (guitarrista), Thiago E. (poeta, compositor e músico) e Davi Scooby (baixista e produtor). Davi, mesmo afastado, morando na Irlanda, continuou produzindo para banda o novo disco “Manual de instruções para”. Foram muitas parcerias ao longo da sua história da banda, como o compositor, poeta e letrista Glauco Luz, Thiago E., Zéu Britto, Salgado Maranhão, entre outros. Além disso, a banda já musicou um poema de Torquato Neto, que ganhou videoclipe produzido pelo cineasta Dalson Carvalho. A banda, que já gravou clipes como “A Onda”, “Plaina Maravalha”, “O Baile”, entre outros.

Validuaté: já é tempo da alegria girar

“Todas essas cores fagulhantes. Só meu corpo fala nesse instante. Vou te encontrar. Ser teu sol, te bronzear. Vou te amar. Meu amor é maior que o mar.” A banda Validuaté lançou o seu primeiro disco “Pelos pátios partidos em festa” em 2008 que foi feito com muito esforço. Foi por meio da repercussão do disco que a banda ultrapassou as fronteiras piauienses, apresentando em São Paulo e no Rio de Janeiro. As músicas cantadas nos shows foram selecionadas para compor o primeiro disco e algumas que sobraram entraram no segundo disco “Alegria girar”, lançado em 2009 depois de ter sido aprovado em uma lei de incentivo à cultura. O segundo CD teve a produção de videoclipes, além da participação de Lirinha, da banda “Cordel do Fogo Encantado”, Zéu Britto e Isaac Bardavid. Em 2013, a banda lança o EP “Este lado para cima” com cinco músicas. E em 2015, lança o DVD “Validuaté Ao Vivo”, financiado majoritariamente pelos fãs e registrado pela Framme Produções. “A gente gosta de fazer música, gosto muito de criar e a motivação é essa. É um prazer, uma necessidade que a gente tem de conceber algo artisticamente”, conta Quaresma.

Validuaté: manual de instruções

“Manual de instruções para alegria girar pelos pátios partidos em festa”. A música que intitula o novo CD tem da banda Validuaté, curiosamente, na sua composição a junção de todos os títulos dos três últimos Cds, além disso o novo trabalho finda um ciclo da banda, que agora esá com uma cada nova, com novos integrantes. E, apesar de ter lançado o disco “Manual de instruções para”, Quaresma já se prepara para uma nova fase da banda. O disco veio com um ritmo bem diferente dos anteriores e uma diversidade musical maior, inclusive com estilos de outras culturas. Mas apesar da diversidade a poética das canções manteve uma unidade que é apresentada, também, na capa de divulgação do disco, trata-se dos elementos estrela, mar e do sentimento amor. O disco “Manual de instrução para” tem treze faixas, com participação de Bia Magalhães, Téo Ruiz, Estrela Leminski e Zéu Britto. Conta também com o talento Itamar Assiere, convidado para compor o arranjo de cordas da música “Love”, escrita pelo poeta Salgado Maranhão. Sob arregimentação de Hugor Pigel, um dos maiores violoncelistas do Brasil, a faixa tem nos violinos Ricardo Amado, Felipe Prazeses, Tomaz Soares, Carlos Mendes, Priscila Rato e Marco Catto. Nos violoncelos, Hugo Pilger, Mateus Ceccato, Murilo Alves e Lauro Lira. “A gente fica arrepiado até hoje quando ouve as cordas. Parece que a gente está vendo uma trilha de cinema e realmente o modo como a gente fez, com os violinos e tudo, parece estar diante mesmo de uma coisa muito grande”, relata Quaresma.

Validuaté: faz de conta que essa é a primeira vez

“Mas o baile terminou. Você me olhou bem de longe. Longe de mim. Não sei se foi de adeus. O olhar que você deu. Tentei me aproximar. Meu Deus, eu nem sei de onde. Tirei coragem. Mas vi você, meu bem. Nos braços de outro alguém. Era tarde…” A banda Validuaté conquistou gerações de fãs e continua arrastando multidões. É referência para os músicos e consegue atingir um púbico bem diferenciado, devido a sua versatilidade. A linguagem poética e popular fez a banda cair no gosto popular mantendo o trabalho com muita seriedade e compromisso. Validuaté é uma das bandas com maior longevidade da história musical piauiense. E a banda que começou com a cabeça protegida por um guarda-chuva laranja, foi crescendo e expondo o interior desse universo chamado criação. O laboratório de ritmos foi ficando mais sério e o grupo foi criando e inventando o seu próprio caminho.

Contatos

Contatos para shows: Bárbara Nepomuceno

  • | +55 (86) 99841-9073
  • | +55 (86) 99411-1262
  • contatovaliduate@gmail.com

http://www.validuate.com.br/

https://open.spotify.com/album/6lvUxiZKic47GOUu42T6qP

https://www.deezer.com/br/album/58637782

https://www.amazon.com/xx/dp/B07BC7BN9B

https://www.youtube.com/watch?v=EprlmwRGCYQ&feature=youtu.be

https://itunes.apple.com/br/album/manual-de-instru%C3%A7%C3%B5es-para/1357641446

https://br.napster.com/artist/validuate/album/manual-de-instrucoes-para

https://bandavaliduate.bandcamp.com/album/manual-de-instru-es-para

https://www.instagram.com/validuateoficial/

https://www.facebook.com/BandaValiduate/

Fotos

Vídeos

Discografia

Pelos Pátios Partidos em Festa (2007);

Alegria Girar (2009);

Este lado para cima (2013);

Validuaté (Ao Vivo) (2015);

Manual de Instrução Para (2018).

Outras fontes

https://cidadeverde.com/noticias/189560/thiago-e-conta-como-surgiu-a-banda-validuate-e-as-referencias-de-sua-carreira

http://entrecultura.com.br/2017/03/01/entrecultura-entrevista-jose-quaresma-validuate/

https://www.ouvirmusica.com.br/validuate/910863/

https://pt.wikipedia.org/wiki/Validuat%C3%A9

https://focasnanoticia.wordpress.com/2013/05/14/entrevista-validuate/

http://validuate.blogspot.com.br/2011/08/entrevista-com-validuate.html

http://cultura.estadao.com.br/noticias/musica,a-ironia-refinada-que-vem-do-piaui,711010

https://cidadeverde.com/noticias/123529/validuate-transforma-linha-de-onibus-em-musica-e-lanca-na-internet-ouca

 

Última atualização: 01/04/2018

Caso queria sugerir alguma edição ou correção, envie e-mail para geleiatotal@gmail.com.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s